Raramente leio um livro acabadinho de ser publicado. Perversamente gosto de esperar pela crítica e perceber se vale a pena o investimento. Afinal de contas a cultura paga-se muito caro neste país (mas não é o caso deste "As Tábuas da Lei"!!!).
 
    
 
 
Fotos gentilmente cedidas por Fábio Cardoso
 
No entanto a fantástica descoberta, não pelo facto, mas pelo timming, d’ As Tábuas da Lei da Teresa Cardoso fez-me cometer duas loucuras. Por um lado encostei de imediato o Miguel Sousa Tavares no canto mais remoto da minha mesinha de cabeceira. O facto de só agora estar a ler o “Equador” prova que primeiro a critica e só depois a leitura. Por outro lado tive uma inexorável vontade de pegar num livro recém publicado sem esperar pela crítica.
A Teresa fez-me cometer duas “loucuras” de uma vez só. E só tenho que lhe agradecer porque a leitura que tenho feito tem sido enebriante.
Vitor Barbosa, ex-professor comum não poderia estar mais certo na apresentação do livro referindo-se a ele como uma “obra” e onde revê na investigadora protagonista os traços da Teresa.
Os pinhoenses, uma vez mais têm que estar orgulhosos de uma sua conterrânea.
À Teresa, companheira de 12 anos que ternamente recordarei, o meu profundo desejo de sucesso na continuação do sonho que ela buscou, pelo qual ela lutou e estou certo que ainda não terminou.
 
Luís Manuel

 

 

 

Sinopse

Uma lenda antiga faz arder os espíritos de quem por ela se deixa fascinar. Afinal, as Tábuas da Lei, as tábuas matriciais do Cristianismo, onde Deus mandou Moisés gravar os seus mandamentos, não estão perdidas, mas sim ao alcance de quem saiba descobrir e decifrar os documentos que revelam a sua guarda secreta. O poder nele contido pode fundar uma nova ordem mundial, assente na verdade do poder do deus cristão e judaico – finalmente, o mundo reunido sob a mesma bandeira, a mesma religião.
Os altos poderes da hierarquia católica movem-se para aceder à posse das Tábuas, desencadeando uma corrida para a qual são atraídos uma obscura mas diligente detective americana, um ex-padre desertado da fé e um misterioso amigo de um académico e investigador assassinado, sem ninguém saber porquê. Todos querem mudar a História, a custo da própria vida, se preciso for.
As Tábuas da Lei valerão assim tanto?
 

 

Teresa Cardoso - a autora

Natural da freguesia do Pinhão, concelho de Alijó, verdadeira pátria do vinho do Porto, emblema maior da região Património da Humanidade e do país, Teresa Cardoso revela-se uma jovem autora de boa cepa, alimentada pelo seu grande gosto pelos livros, que continua a ler, ali, em frente ao Douro domesticado.
Licenciada em Biologia Aplicada pela Universidade do Minho, a jovem inicia-se na escrita através de um livro que reúne todos os ingredientes que compõem um enredo vintage: suspense, mistério, aventura, os bons contra os maus. E a vertigem de recriar a História, alterando o curso do rio que a fez como a conhecemos.
Além de livros, de ler e escrever e de ouvir música, de mudar o curso do rio, Teresa gosta ainda de gatos. Ou não fossem os olhos do felino um princípio de mistério…

 

Locais onde pode encontrar o livro:

Livraria Centéssima Página em Braga

Fnac Norte Shopping - Matosinhos

Fnac Santa Catarina - Porto

Papelaria Borrachinha - Pinhão.

 

Podem ser feitas encomendas através de: astabuasdalei@sapo.pt

sinto-me:
publicado por Luís Almeida às 00:06